Próxima
Próxima

Outros Serviços

CMAS
PDUI
Nota Fiscal Eletronica
Nota Fiscal Eletronica
Nota Fiscal Eletronica
Nota Fiscal Eletronica
Nota Fiscal Eletronica
Nota Fiscal Eletronica
Nota Fiscal Eletronica
Cadastro Único
  • Importantes

  • Concurso Público Saúde - Médicos
    Concurso Público Saúde - Médicos
  • Oportunidades PAT
    Oportunidades PAT
  • Licitações
    Licitações
  • Frente de Trabalho
    Veja os Editais
  • Processo Seletivo
    Veja os Editais
  • Concurso Público
    Veja os Editais
  • Editais de Convocação
    Veja os Editais de Convocação
Notícias

Pesquisa do Dias das Crianças do Procon-SP constata diferença de preço de até 124,81% na cidade de São Paulo

2015/10/05 15:40:00
 Pesquisa do Dias das Crianças do Procon-SP constata diferença de preço de até 124,81%   na cidade de São Paulo.

 Pesquisa comparativa de preços de produtos para o Dia das Crianças, efetuada   pelo Procon-SP, órgão vinculado à Secretaria da Justiça e da Defesa da Cidadania do Governo de São Paulo, nos dias 15 e 16 de setembro,revela que a maior diferença constatada   (124,81%), foi na boneca Monster High Monster Fusion Opereta  , fabricada pela   Mattel.

 O maior preço encontrado foi de R$ 89,90 (Extra/norte) e o menor, R$ 39,99 (Semaan, no Centro), uma diferença de   R$ 49,91.

 O estabelecimento Armarinhos Fernando foi o que apresentou a maior quantidade de produtos com menor preço (46 itens dos 67 encontrados).
 
Ao todo, foram pesquisados os preços  de 88 brinquedos, entre bicicletas, jogos, massas de modelar, bonecas e bonecos, etc   e  m nove lojas distribuídas pelas cinco regiões da cidade de São Paulo. 

  Após comparação dos 28 produtos comuns entre as pesquisas realizadas em 2014 e 2015, constatou-se que houve, em média,   um   acréscimo de 2,02% no preço dos brinquedos.

Confira a pesquisa completa clicando  aqui.

  O Procon-SP orienta o consumidor a avaliar não somente o preço, mas as formas de pagamento, comodidades e vantagens oferecidas pelos diferentes locais e a idade e o interesse da criança.

 Na embalagem, devem constar a indicação da idade ou faixa etária, instruções de uso e de montagem,descrição exata dos itens inseridos, identificação do fabricante (nome, CNPJ e endereço) ou importador (caso o brinquedo seja importado), eventuais riscos que possam apresentar à criança e o selo de certificação do Inmetro.

Comente esta Notícia

Nome:
E-mail:
Comentário:

Cidadão

Serviços para Cidadão.
  • Alvara Já
  • E-Compras
  • Licitação / Pregão

Negócios

Serviços para Empresa.
  • Consulta de débito em dívida ativa
  • Armazém de Dados
  • Andamento de Processos

Governo

Serviços para Governo.
  • Editais de Convocação
  • Concurso Público
  • Processo Seletivo
  • Frente de Trabalho