Próxima
Próxima

Outros Serviços

CMAS
PDUI
Nota Fiscal Eletronica
Nota Fiscal Eletronica
Nota Fiscal Eletronica
Nota Fiscal Eletronica
Nota Fiscal Eletronica
Nota Fiscal Eletronica
Nota Fiscal Eletronica
  • Importantes

  • Concurso Público Saúde - Médicos
    Concurso Público Saúde - Médicos
  • Oportunidades PAT
    Oportunidades PAT
  • Licitações
    Licitações
  • Frente de Trabalho
    Veja os Editais
  • Processo Seletivo
    Veja os Editais
  • Concurso Público
    Veja os Editais
  • Editais de Convocação
    Veja os Editais de Convocação
Notícias

Zoonoses de Itapecerica resgata e dá assistência a bugio encontrado no bairro da Lagoa

2017/09/06 13:31:00
Zoonoses de Itapecerica resgata e dá assistência a bugio encontrado no bairro da Lagoa Um macaco bugio foi encontrado acuado e machucado na principal estrada do bairro da Lagoa, Estrada João Rodrigues de Moraes, em Itapecerica da Serra, na manhã desta terça-feira, 5 de setembro. O animal macho de pequeno porte, adulto, foi localizado pelos moradores da região, que imediatamente acionaram o Centro de Controle de Zoonoses (CCZ) do município.

Segundo a médica veterinária do CCZ Dra. Maria de Fátima Alves Martins, o animal havia tentado escalar uma casa, quando escorregou e caiu sobre um poste de luz. Por sorte, sofreu a descarga de apenas um fio, fazendo com que seu organismo suportasse o choque elétrico. Com queimaduras de aproximadamente 5º grau em sua pata e barriga, o macaco não precisou ser sedado em nenhum momento.

Foram realizados exames para diagnosticar uma possível doença viral, como febre-amarela ou raiva, típicas de animais dessa espécie, mas felizmente nada foi detectado. 
“No momento, ele está medicado somente com antibiótico e analgésico. Há um tempo, nós nos preparamos bastante, através de várias pesquisas sobre macacos e seus tratamentos. Hoje, já sabemos lidar com bastante precisão em casos como esses”, explica Dra. Maria de Fátima.

O bugio já foi encaminhado e está sob cuidados da ONG Cepav, localizada em Barueri, Região Metropolitana de São Paulo, referência em macacos, onde ficará até sua recuperação total. De acordo com a médica veterinária, “pelo que analisamos, será um longo tratamento de reabilitação, com estimativa prevista de seis meses, até a pele se regenerar”.

Comente esta Notícia

Nome:
E-mail:
Comentário:

Cidadão

Serviços para Cidadão.
  • Alvara Já
  • E-Compras
  • Licitação / Pregão

Negócios

Serviços para Empresa.
  • Consulta de débito em dívida ativa
  • Armazém de Dados
  • Andamento de Processos

Governo

Serviços para Governo.
  • Editais de Convocação
  • Concurso Público
  • Processo Seletivo
  • Frente de Trabalho